agosto 2016 » We Love Cherry
26
ago
Olimpíada: Se Arrependimento Matasse

Rio 2016

screen-shot-2016-12-17-at-7-12-38-pm

Quem me acompanha lá pelo Instagram (@blogwelovecherry) ou pelo SnapChat (welovecherry), viu que nos “45 minutos do 2º tempo” eu fui para a Rio 2016 na última sexta-feira.

Eu não tinha planejado nada, acreditei 100% no que vi pela imprensa durante todo o tempo que antecedeu os jogos. Achava que não ia dar tempo de terminar as obras, que ia ser a Olímpiada do Coco…

Foi só depois da abertura e dos “FaceTimes” com o meu pai, direto das arenas que caiu a minha ficha do quanto esses jogos estavam fantásticos e, com certeza, iriam entrar para a história!

A parte mais difícil foi decidir quem iria comigo e com o Caio e como iríamos. As passagens estavam custando mais de R$2 mil cada, um absurdo! Se fossemos levar as crianças teria que ser de carro, mais 6 horas de viagem com 2 crianças e 1 bebê não pareceu uma boa ideia. (A Nina mal consegue fazer uma viagem de 1 hora…)

E será que daria para levar a Bella e a Nina nos jogos? Seria um pesadelo de complicado? Elas iriam gostar? Uma amiga levou os dois filhos sozinho e disse que foi uma loucura. Perguntei para outra amiga que estava nos jogos e a resposta foi clara: é loucura trazer crianças aqui!

Faltavam 4 dias para terminar a olímpiada e eu não conseguia decidir.  Por achar que não haveria infra-estrutura para crianças, que seria complicado levá-las, que elas ficariam cansadas demais e não curtiriam, decidimos ir de carro na sexta à noite, apenas nós dois com o David e a babá. As meninas ficaram com a minha mãe e a Bibi na fazenda, programa que elas amam.

Tudo ótimo até chegarmos no Parque Olímpico. Estava tudo tão lindo e perfeito, tudo funcionando super bem e SIM, dava para ter levado as crianças para os jogos! Foi aí que eu fiquei mal.

(leia mais…)


Newsletter

Acompanhe nas redes sociais!

Compartilhe


11
ago
YOYO+: O Carrinho Mais Leve e Compacto

Há um tempo que me pedem um post sobre carrinhos de bebê. Eu acredito que esse seja um dos itens mais caros e importantes do enxoval de bebê e, por isso, merece atenção especial.

Existem tantas opções de carrinho que confesso que foi difícil escolher o primeiro carrinho da Bella! Depois de 3 filhos e mais de 6 carrinhos comprados, aprendi o que vale a pena ponderar e quais as qualidades o carrinho precisa ter para a escolha ser bem sucedida. E o meu favorito é o YOYO+ da Baby Zen. Vem ver porque ele ganhou o meu coração e está ganhando o coração das mamães no mundo todo (inclusive da Kim Kardashian)!

Só para lembrar que esse post não é patrocinado. A política do blog é compartilhar dicas de verdade, que valem a pena e fazem a diferença.

 

YOYO14

 

Modelo: YOYO+ (antigo YOYO)

Marca: Baby Zen

Ano: 2017

 YOYO 5

Meus Carrinhos & Minhas Experiências

O fato é que até eu encontrar o YOYO, existia o melhor carrinho para cada fase. Foram 6 carrinhos de bebê no total: YOYO, Quinny Buzz 3, o City Select Baby Jogger, o MacLaren Techno XT, Chicco e Kolkraft.

Compramos o Quinny para a Bella usar desde recém-nascida, depois o MacLaren para quando ela ficou maiorzinha e nao queria de jeito nenhum mais sentar no Quinny. Depois veio o Chicco, menorzinho, para levarmos para viajar. Quando a Nina nasceu, compramos o City Select para caber as duas juntas. Gostei bastante, mas era muito grande. Quando o David nasceu usei o Quinny com o moisés ate eu comprar o YOYO e me apaixonar.

(leia mais…)


Newsletter

Acompanhe nas redes sociais!

Compartilhe